spacer
 

Notícias

CONAB e OCB/PA discutem maior participação de cooperativas
 
09/11/2017
 

Os programas da Companhia Nacional de Abastecimentos (CONAB) são um dos mercados mais procurados por cooperativas, mas que, evidentemente, demandam organização e governança. Para auxiliar as singulares a se habilitarem, o Sistema OCB/PA estreitou relacionamento com a CONAB em reunião ocorrida nesta semana com o Chefe do Setor de Gestão da Oferta e Suporte Estratégico (Segeo), Gilberto Silva. Foram apresentados todos os programas oferecidos pela Companhia, os critérios pontuados na análise dos projetos pleiteantes e os principais gargalos no momento. A assessora jurídica Nelian Rossafo representou o Sistema OCB/PA, junto com a equipe da Nós Consultoria.

A proximidade entre as entidades foi uma das demandas suscitadas na Matriz da Cooperação, documento consolidado no Seminário do Ramo Agropecuário ocorrido em abril deste ano. Foi solicitada a interlocução com a CONAB para estreitamento das atividades. De acordo com dados do Cooperativismo Paraense 2016, cerca de 20% das cooperativas já fazem comercialização com o Mercado Institucional (PAA e PNAE), sendo um dos principais canais de distribuição dos produtos e serviços das cooperativas. Fica atrás apenas de Feiras e Eventos Regionais.

Como resultado da reunião, definiu-se que a Nós Consultoria, empresa contratada pelo Sistema OCB/PA, produzirá um Check List contendo todos os documentos obrigatórios para as cooperativas que queiram vender para a CONAB. “Em um primeiro momento, a CONAB imaginou que o principal gargalo para a falta de participação de mais singulares agropecuárias em seus programas era o baixo nível de informação. Porém, eles já são bastante difundidos. O que realmente está travando o acesso é a questão documental. Esta é a fase onde muitos pecam tanto por pendência de alguns documentos quanto por falta de celeridade na emissão destes. Por isso, iremos trabalhar neste sentido”, afirmou Nelian.

Outra ação será a classificação dos pré-requisitos de avaliação dos projetos. Como houve redução do orçamento nacional, a CONAB está inviabilizada de aceitar todos os projetos e, consequentemente, criou um parâmetro para selecionar os que contenham maior pontuação de acordo com algumas tendências. Uma delas é o valor total. Os de até R$ 50mil recebem pontuação máxima. Se houver participação de mulheres ou se for algo voltado para comunidades em situação de precariedade, como indígenas e quilombolas, também se recebem uma pontuação maior.

A partir deste levantamento, o Sistema OCB/PA fará a divulgação das informações para as cooperativas interessadas, seja através dos canais de comunicação, nas ações de monitoramento e encontros de ramo. “É mais um passo importante para fortalecer nossas singulares e o próprio Sistema. Com esse estreitamento, se abre um leque grande de oportunidades como o PAA e outros Programas que a CONAB apresenta com a finalidade de executar as políticas oficiais de formação, armazenagem e escoamento dos estoques dos produtos agropecuários”, afirmou o presidente Ernandes Raiol.

 
Link:
Fonte: Ascom Sistema OCB/PA - Wesley Santos
 
 
 

OCB/SESCOOP-PA
Av. João Paulo II, 515, Marco CEP: 66095-491, Belém – Pará
Fone: (091) 3226-5280/ 3226-4140 - Fax: (91) 3226-5014