Coostafe é notícia em Programa da BBC de Londres e na TV Globo

 

A inclusão social promovida pelo cooperativismo paraense ganhou repercussão nos cinco continentes para onde a emissora BBC World News TV transmite. A Cooperativa Social de Trabalho Arte Feminina Empreendedora (Coostafe) recebeu o repórter Daniel Gallas, correspondente internacional da BBC, com sede em Londres. A reportagem foi exibida na última segunda (02) no programa World Business Report, que apresenta notícias sobre o mundo financeiro e iniciativas de empreendedorismo global. No último mês, a Diretora do Centro de Recuperação Feminino de Anandindeua e idealizadora do projeto, Carmen Gomes, foi convidada para participar da cerimônia de premiação do Quadro Inspiração, pertencente ao Programa Caldeirão do Huck. O apresentador garantiu uma visita à cooperativa que já recebeu, também no último mês, a equipe do Programa Profissão Repórter, da TV Globo. 

 

O correspondente internacional da BBC acompanhou o trabalho desenvolvido pelas detentas da Coostafe durante dois dias. As gravações foram realizadas dentro do presídio e nos locais onde os produtos fabricados na Coostafe são comercializados: em um quiosque dentro de um shopping center e em uma praça pública de Ananindeua. “Fiquei sabendo da Coostafe por meio de um amigo que trabalha no Instituto Humanitas, que é uma organização sem fins lucrativos com sede nos Estados Unidos e que apoia abordagens inovadoras para reintegração na sociedade, e que conheceu o projeto de reinserção social no ano passado. Foi ele quem me colocou em contato com a diretora do CRF. A partir daí achei que seria interessante mostrar o trabalho feito pelas detentas dentro do presídio, como forma de tentar resolver um pouco o problema da segurança, que é global, através da economia, criando uma cooperativa que ajuda mulheres presas a se reinserir na sociedade”, destacou o repórter Daniel Gallas.

 

 

Para a Diretora do CRF, o alcance global de uma iniciativa desenvolvida no sistema prisional do Norte do Brasil é uma oportunidade de mostrar ao mundo um modelo de empreendimento, através da economia criativa, com o uso da mão de obra carcerária. Carmen também foi escolhida para ser uma das consultoras do Programa Caldeirão do Huck com a finalidade de indicar projetos sociais de pessoas que estejam fazendo a diferença no Brasil. As cinco melhores histórias foram premiadas no Quadro Inspiração. Na oportunidade, Luciano garantiu uma visita à Coostafe e apresentadora Glória Maria também foi convidada.

 
 

“Fico feliz de ver o trabalho feito na Coostafe mostrado para o mundo todo por respeitadas e reconhecidas redes de TV no planeta. Espero que possamos servir de exemplo para o sistema carcerário e que mais pessoas privadas de liberdade tenham as mesmas chances de ressocialização que estamos oferecendo para as detentas aqui no Pará. São pessoas que sofrem um preconceito muito grande da sociedade e precisam de uma oportunidade de ser reinseridas no mercado, até conseguirem uma garantia formal de emprego e renda”, informou a diretora.

 

A reportagem "Brazil's female prision: using business as a second chance" pode ser assistida na íntegra neste link: vimeo.com/262966934.

 

Fonte: Ascom SUSIPE| Foto: Akira Onuma.

 

Shadow
Slider
SISTEMA OCB/PA © TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.