Uniodonto Belém promove curso para colaboradores

 

O bem-estar de cooperados e colaboradores é um dos objetivos estratégicos previstos pelo cooperativismo para garantir a sustentabilidade do setor. Cooperativas com visão, como a Uniodonto Belém, investem em momentos de integração, qualificação e felicidade. Na última segunda (25), a cooperativa promoveu o curso “Postura versus Local de Trabalho, mitos e verdades”, com fisioterapeuta especialista. O curso ocorreu na Casa do Cooperativismo para aproximadamente 70 colaboradores.

 

O professor Rafael Lobão, mestre em fisioterapeuta e especialista em ortopedia, discutiu com os colaboradores sobre práticas do cotidiano que interferem na ocorrência de dores corporais.  A postura no local de trabalho é uma das atitudes a serem corrigidas, mas as dores também podem estar associadas com posturas mais complexas, como atividades domésticas. “Sedentarismo, obesidade e fumo são alguns hábitos que favorecem as dores na região lombar e na coluna cervical (pescoço). No entanto, a principal vilã desse desconforto é a má postura adotada em diversos momentos do nosso dia. Hérnia de disco, escoliose e lombalgia são apenas alguns dos problemas decorrentes da postura inadequada”, explicou Rafael.

 

É preciso posicionar a coluna de modo correto nas mais diversas atividades. Ao usar o computador, por exemplo, é preciso estar sentado com a coluna alinhada e encostada por inteiro na cadeira. As pernas devem formar um ângulo de 90 graus os pés devem estar apoiados no chão, nunca cruzados. Deve-se sempre manter a tela do computador na linha dos olhos. Se estiver baixo ou alto demais pode aumentar a tensão da musculatura, aumentando o risco de patologias.

 

A postura correta para dormir também é muito importante. As melhores posições para dormir são deitado de lado ou deitado sobre as costas, com as quais as curvaturas fisiológicas da coluna vertebral são mantidas, evitando quadros dolorosos. Apesar da posição de dormir em decúbito ventral (de bruços) ser a preferida de muitas pessoas, nesse posicionamento existe maior chance de haver contraturas e dores musculares, principalmente na coluna cervical, por não manter adequadamente o alinhamento fisiológico da coluna.

 

A Uniodonto

 

O curso foi promovido pelo comitê educativo da Unidonto Belém, grupo de cooperados responsáveis pela organização de capacitações para cooperados e colaboradores. “A cooperativa, preocupada com a saúde e o bem-estar dos que trabalham todos os dias em prol do crescimento do negócio, promoveu esse encontro. Participaram aproximadamente 70 colaboradores das três unidades. Ainda estamos prevendo mais um curso para o segundo semestre com tema a ser discutido”, afirmou um dos diretores do Comitê, Fabricio Lima.

 

 

A cooperativa é referência em atendimento odontológico, contando com 596 cirurgiões-dentistas em todas as especialidades que atendem cerca de 129.000 usuários de 445 empresas e de planos individuais e familiares. Um dos segredos para esse sucesso de décadas é a atualização profissional, considerada como prioridade na Uniodonto Belém.  São realizados investimentos contínuos para o aprimoramento dos serviços prestados pela cooperativa, que organiza cursos periódicos de capacitação para os cooperados.

 

“Sem dúvida, a Uniodonto é um exemplo para as cooperativas paraenses de posicionamento de mercado e de negócio sustentável, que não visa apenas um crescimento desigual, mas colabora também para o desenvolvimento integrado daqueles que, de fato, tornam esse sucesso uma realidade. Nós apoiamos e incentivamos a qualificação de todos os cooperativistas”, afirma o presidente do Sistema OCB/PA, Ernandes Raiol.

Shadow
Slider
SISTEMA OCB/PA © TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.