OCB premiará as melhores cooperativas do país

 

 

O reconhecimento de marca é uma das estratégias de gestão para potencializar os negócios de qualquer empreendimento. O Prêmio SOMOSCOOP proporciona às cooperativas brasileiras esse espaço ideal para divulgar o trabalho desenvolvido em cada região do país com uma repercussão nacional. No Pará, as singulares já estão se inscrevendo nas sete categorias do Prêmio, incluindo a “Cooperjovem”, que é uma das novidades. O prazo segue até o dia 30 de agosto e os selecionados participarão da festa de premiação em Brasília.

 

A cada dois anos, um seleto grupo recebe do Sistema OCB o título de "Cooperativa do Ano", que é um reconhecimento à criatividade, à visão e aos resultados obtidos por elas ao longo do biênio. Em 2018, estão abertas inscrições para as categorias: Comunicação e Difusão do Cooperativismo, Cooperativa Cidadã, Desenvolvimento Sustentável, Fidelização, Inovação e Tecnologia, Cooperjovem e Intercooperação.

 

A categoria “Comunicação e Difusão do Cooperativismo” premia projetos e práticas do dia a dia que promovem a cultura cooperativista junto à população local, seja com cursos, palestras ou quaisquer outros eventos de promoção. O número de associados também é considerado. Já a categoria “Cooperativa Cidadã” reconhece projetos e programas que beneficiam a comunidade na qual a cooperativa está inserida, como o Dia de Cooperar ou outros serviços sociais realizados continuamente.

 

Na classificação de “Desenvolvimento Sustentável”, se inclui projetos capazes de suprir as necessidades da geração atual, sem comprometer a capacidade de atender as necessidades das gerações futuras, utilizando racionalmente os recursos, como água e energia elétrica. Uma das singulares paraenses inscritas nesta categoria é a Cooperativa Brasileira de Energia Renovável (COOBER), que é a primeira da modalidade no país.

 

“Nossa iniciativa foi implementada em 2016, quando poucas unidades consumidoras de geração distribuída existiam e nenhuma no formato cooperativo no Brasil. Por isso, a expectativa é muito boa em participar deste momento de troca de experiências. Esperamos que nosso Projeto seja um dos finalistas e represente bem o Pará entre os mais importantes empreendimentos do setor cooperativista que lá estarão presentes”, afirmou o presidente da COOBER, Raphael Vale.

 

A categoria “Fidelização” premia cooperativas que melhoraram seu atendimento, os benefícios aos seus cooperados e, com isso, aumentaram seus índices de satisfação.  Projetos inovadores ou de promoção de novas tecnologias para melhoria dos serviços das cooperativas serão reconhecidos na categoria “Inovação e Tecnologia”. Na categoria estreante, serão premiadas cooperativas que adotaram o Cooperjovem seguindo as boas práticas de implantação, acompanhamento e que, principalmente, tenham alcançado resultados efetivos e replicáveis em relação à sua abrangência. O Cooperjovem busca disseminar nas escolas e na comunidade a cultura da cooperação, por meio de atividades educativas baseadas nos princípios e valores do cooperativismo.

 

Já a categoria “Intercooperação”, que premia cooperativas que implantaram com sucesso projetos de intercooperação, ou seja, parcerias efetivas entre duas ou mais cooperativas que viabilizaram o alcance de objetivos comuns. Serão premiados o 1º, 2º e 3º lugar de cada grupo. Os vencedores receberão troféus e certificado alusivos ao prêmio, além de ampla divulgação do Sistema OCB junto ao sistema cooperativo e aos canais de mídia. 

 

 

INSCRIÇÕES

“Convocamos nossas cooperativas a participarem do Prêmio, se inscrevendo nas categorias disponíveis. Temos a marca do pioneirismo, da inovação e da superação. O cooperativismo é a ciência da crise, proporcionando resultados melhores nas mais adversas condições. Ao longo destes anos, temos provado isso. Por isso é tão importante participarmos, agregando o expressivo reconhecimento da Organização das Cooperativas Brasileiras (OCB) ao negócio de cada cooperativa paraense participante”, afirmou o presidente do Sistema OCB/PA, Ernandes Raiol.

 

Qualquer cooperativa, independentemente do ramo ou do porte, pode inscrever um projeto por categoria. As inscrições são gratuitas, e ficarão abertas entre os dias 25 de junho e 30 de agosto. Para se inscrever, é preciso estar registrado e regular com o Sistema OCB, inclusive com o pagamento da Contribuição Cooperativista sobre o exercício 2017. E para fortalecer o sistema como um todo, a cooperativa deve participar de um dos programas do Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo (Sescoop).

 

 

Shadow
Slider
SISTEMA OCB/PA © TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.