Cooperativas de Santarém discutem incorporação

 

Seguindo a estratégia de fortalecimento do ramo, o Sistema OCB/PA está coordenando as articulações para a união de cooperativas agropecuárias em Santarém. O objetivo é aprimorar o processo de gestão e desenvolvimento das singulares. Após a deliberação em assembleia geral, três cooperativas sinalizaram positivamente e continuarão com os procedimentos necessários. A partir desta semana, está sendo feita uma análise de viabilidade socioeconômica das envolvidas.

 

O Sistema OCB/PA participou da Assembleia das cooperativas atuantes em Santarém e Região. Os cooperados da Coopromubel, Cooprusan e da Coomaplas aprovaram a incorporação e exigiram um processo de transparência. Foi criado um plano de trabalho através de uma comissão de incorporação. A equipe é formada por dois representantes de cada cooperativa e mais um contador local sem ligação com qualquer uma das singulares. Será feita uma análise em cada uma delas, levantando todas as informações de contrato, dívidas e patrimônio. Com o resultado desta diagnose geral, serão realizadas outras assembleias para definir ou não a incorporação.

 

A iniciativa foi uma das indicações do Diagnostico do Cooperativismo Paraense, elaborado em 2016, assim como de outros trabalhos técnicos de capacitação. “Identificamos um número excessivo de cooperativas em Santarém e Região competindo pelo mesmo mercado, na venda do mesmo produto e às vezes de modo desleal. Se preciso da produção na mesma linha, por que não unir as forças? A tendência é melhorar a qualidade, quantidade, escala de fornecimento da produção e diminuir despesas de todos”, explicou o gerente de desenvolvimento do Sistema OCB/PA, Vanderlande Rodrigues.

 

O processo também foi estimulado pelos próprios gestores das cooperativas que, no último seminário, se reuniram com a Diretoria da OCB/PA, direcionando para que ocorresse esse trabalho de sensibilização. “Incentivamos sempre que nossa concorrência não é entre cooperativas. Para participarmos de chamada pública e outros mercados, precisamos unir forças. Estamos acompanhando todo o processo que decorre de maneira transparente e amplamente profissional, sendo conduzido pelas próprias envolvidas. Temos certeza que o resultado será bastante positivo”, comenta o presidente do Sistema OCB/PA, Ernandes Raiol.

Shadow
Slider
SISTEMA OCB/PA © TODOS OS DIREITOS RESERVADOS.